O que fazer em Heidelberg, a cidade mais romântica da Alemanha – Voupranos

O que fazer em Heidelberg, a cidade mais romântica da Alemanha

Adobe Stock: Heidelberg kurz nach Sonnenuntergang, Panorama mit warmen Farben – Smileus

A maioria dos voos que saem do Brasil (e de outras partes do mundo) para a Alemanha termina em Frankfurt, que tem um dos maiores aeroportos da Europa. Industrial por natureza, a cidade até merece uma visita rápida, de um dia, mas não tem tanto assim o que fazer. Melhor é partir de lá para lugares encantadores nos arredores, a exemplo de Heidelberg.

Ainda em Frankfurt, vale a pena dar um pulo no Centro Histórico, subir na Main Tower, para ter uma vista ampla da paisagem e passar em alguns mercados para imergir na cultura alemã – os vinhos de maçã são muito famosos na região. Depois, é hora de rodar 90 km ao sul (40 minutos de trem) até alcançar Heidelberg, uma das cidades mais belas não apenas da Alemanha, mas de toda a Europa.

História

Segundo o folclore local, Heidelberg é tão linda que passou ilesa pelos bombardeios aéreos da Segunda Guerra Mundial. Reza a lenda de que os exércitos aliados não tiveram coragem de destruir o burgo medieval, fundado no século 12. Por isso, quem visita a cidade se depara o tempo todo com fachadas bem preservadas de prédios antigos, que destacam telhados avermelhados e demarcam o traçado sinuoso de becos e ruas estreitas.

A ponte de pedra Alte Brücke, que conduz ao belo portal de entrada do núcleo histórico da cidade, ajuda a compor a perfeição da paisagem urbana, com o imponente Castelo de Heidelberg ao fundo. Até a natureza colaborou, abraçando a região com montanhas, florestas e as águas do Rio Neckar bem ao lado.

Os alemães dizem que Heidelberg é a melhor representação da alma do país. Talvez por isso tenha inspirado tantos poetas, filósofos e músicos durante o riquíssimo período de criação intelectual e artística ocorrido na Alemanha durante o século 19.

Goethe e Mark Twain, importantes escritores, por exemplo, deixaram relatos apaixonados sobre a cidade após caminhar pelas encostas de suas montanhas, do outro lado do rio, de onde se tem uma vista espetacular. O caminho por onde eles passavam virou até atração turística e foi chamado de Philosophenweg (Caminho dos Filósofos).

Adobe Stock: Heidelberg city in Germany – Basiczto

Adobe Stock: View of the old, beautiful city of Heidelberg – Andreas Fischer

Fotogênica

Heidelberg é também um daqueles raros lugares com o dom da fotogenia. Foi feita para ser degustada, comida com os olhos, seja numa mesinha ao ar livre dos bares da Marktplatz, onde no passado bruxas e hereges eram queimados pela Inquisição, seja num passeio até o Castelo de Heidelberg, um dos grandes monumentos arquitetônicos da Alemanha, erguido entre

os séculos 13 e 17, em estilo gótico-renascentista. Mas está em ruínas desde que os franceses o destruíram na Guerra dos Nove Anos, em 1689. Sinal de que nem todos souberam apreciar a beleza de Heidelberg.

Adobe Stock: Alte Brücke, Heidelberg, Deutschland – Sina Ettmer

Castelo de Heidelberg

O Castelo de Heidelberg fica em meio a uma colina e vigia o centro histórico da cidade. Cerca de 2 milhões de pessoas passam por lá a cada ano (é o segundo castelo mais visitado da Alemanha, atrás apenas do Neuschwanstein, na Baviera), mas há uma dica preciosa para fugir do tumulto: ir até lá durante a noite, especialmente se tiver uma reserva no restaurante que fica dentro da fortificação.

A atmosfera é encantadora e, além de comer com estilo, sobra tempo para passear pelos pátios e terraços iluminados praticamente vazios. A única coisa é que, à noite, não dá para visitar o enorme barril com capacidade para 200 mil litros de vinho que fica no porão do castelo e atrai muitos cliques.

Adobe Stock: Heidelberger Schloß im weichen Abendlicht der untergehenden Sonne. – Werner

Outras atrações

A cidade é pequena e tem cerca de 150 mil habitantes. Um quarto dessa população é composta de estudantes da Universidade de Heidelberg, a primeira da Alemanha e uma das mais antigas do mundo, fundada em 1386. Jovens de hoje frequentam os mesmos bares criados há séculos por irmandades estudantis.

A atmosfera universitária reflete-se visivelmente na animação dos pubs e das studentenkneipen, as tabernas dedicadas aos estudantes – a maioria delas situada ao longo da Hauptstrasse e ao redor da Marktplatz.

A mais famosa e reverenciada é a Zum Roten Ochsen, aberta desde 1703 e dirigida há muitas gerações pela família Spengel. Está bem ao lado de outro pub tradicionalíssimo, o Zum Sepp’l, que é ainda mais antigo, em funcionamento desde 1634.

Adobe Stock: Heidelberg Marktplatz Panorama im Winter – Eyetronic

Quando ir

A cada ano, passam cerca de 3 milhões e meio de turistas pela cidade. O período de maior efervescência vai do final de junho ao começo de agosto, no verão, e coincide com um festival de música, que traz apresentações de jazz, ópera e orquestras clássicas, inclusive nos jardins do castelo. Nesse período, Heidelberg fica completamente lotada.

No inverno, a cidade esvazia, mas o cenário ainda é fantástico, com a possibilidade de neve e de ver uma névoa fina cobrindo a velha Heidelberg, o que confere um clima de mistério e passado às suas ruas estreitas.

Adobe Stock: Heidelberg, Germany – Old square called ‘Kornmarkt’ in old city center with fountain and view on historical Heidelberg castle with snow during winter – Firn

Hockenheim

Para os amantes de velocidade, Heidelberg também serve de base para visitar Hockenheim, um dos autódromos da Alemanha famosos por receber a Fórmula 1. Entre abril a outubro é possível dar algumas voltas no circuito com carros de luxo, um tour bastante recorrente a quem vai até lá.

Adobe Stock: Imagem ilustrativa – Cachou34

CONVITE ESPECIAL

A agência Voupra atende centenas de clientes por dia sempre com o compromisso de oferecer a melhor experiência.

Quando estiver próximo da Avenida Paulista em São Paulo, passe para visitar o escritório da agência e tomar um café! Será interessante você conhecer a ampla estrutura da agência dos seus amigos aqui, os Voupranos.

Endereço: Avenida Paulista,  1079 – São Paulo

O objetivo da agência Voupra é sempre criar um vínculo duradouro com os clientes, proporcionando experiências incríveis, para que essa relação de fato se torne especial por muitos anos.

VEJA TAMBÉM:

O Voupranos possui a missão de ajudar o viajante brasileiro na hora de planejar sua próxima viagem e se informar sobre tudo que acontece de mais importante para o turista do Brasil.

Todos os artigos, notícias e dicas de viagem do Voupranos são preparados por especialistas em turismo, jornalistas e conta com a curadoria da Editora Europa. A atualização é diária e o portal já conta com centenas de páginas com informações dos principais destinos procurados pelo público brasileiro.

O site de notícias Voupranos tem a proposta de ser um portal leve, divertido e empolgante, com a ambição de se transformar em um dos maiores portais do Brasil, com o desejo de mais que informar, levar a alegria e diversão para todo o seu público.

Além dos artigos que funcionam como guias rápidos de cada destino, o portal traz diariamente novas notícias do mundo do turismo. Tudo com foco no viajante, que deseja planejar excelentes férias com o melhor investimento. Visite o Voupranos sempre que desejar explorar um mundo de novidades em muitos destinos.

portal Voupranos é um investimento ambicioso da agência de viagens Voupra, conhecida pelas grandes novidades que implementou no segmento de turismo nos últimos anos, e pelo forte comprometimento com seus clientes, inclusive sendo uma das raras agências com o certificado RA1000 do Reclame Aqui.

Publicado em: 16/01/2023
Atualizada em: 16/01/2023
Quero contribuir com essa matéria dos Voupranos

Alemanha