museus são paulo – Voupranos

É impossível ir a São Paulo e ignorar seus museus

O que não falta em São Paulo é um bom museu para visitar. História, arte, diversidade e cultura… são opções ilimitadas.

Separamos aqui alguns dos melhores museus da cidade que estão localizados fora da Avenida Paulista e do centro. São opções espalhadas pela cidade e que realmente valem uma visita. Fique atento antes da visita e se informe sobre os horários e mostras, como muitos dos museus oferecem exposições temporárias, muitas vezes as faixas de horário de visitação são modificadas. Praticamente todos oferecem algum dia com vista gratuita, mas também é preciso conferir antes de ir. 

MAM – Museu de Arte Moderna

Localizado dentro do Parque do Ibirapuera, o MAM (Museu de Arte Moderna) reúne mais de 5 mil obras assinadas pelos mais importantes nomes das artes moderna e contemporânea, principalmente brasileira. Além de salas de exposição, ateliê, auditório, restaurante, loja e uma biblioteca com 65 mil títulos, todos os espaços do museu se integram harmonicamente com o lindo Jardim de Esculturas, projetado por Roberto Burle Marx para abrigar obras da coleção. Aos domingos, a entrada é gratuita mediante reserva.

Shutterstock, Alf Ribeiro

MIS – Museu da Imagem e do Som

É um dos museus mais pop de São Paulo. E não é para menos: as exposições que abriga já atraíram multidões homenageando nomes como David Bowie, Stanley Kubrick, Tim Burton, Renato Russo, Silvio Santos, Leonardo da Vinci e até a turma do nostálgico Castelo Rá-Tim-Bum. Cursos e acervos com foco em fotografia, cinema, dança, música e vídeo completam a programação, que faz do MIS um dos mais divertidos espaços culturais de São Paulo. 

Memorial da América Latina

Shutterstock, Yoshiya Kusamura

Com traços de Oscar Niemeyer e idealizado por Darcy Ribeiro para favorecer a integração dos países latino-americanos, o memorial impressiona pela variedade de atividades propostas em seus seis edifícios conectados por uma grande passarela. Peças de teatro, mostras, shows, projeções de cinema, feiras: toda manifestação artística que envolve a cultura latina encontra espaço ali. E o acervo permanente ainda conta com preciosidades como o painel Tiradentes, de Portinari. 

Centro Cultural Banco do Brasil

Palco de exposições itinerantes de grandes artistas mundiais (Picasso, Kandinsky e Aleijadinho são alguns deles), peças de teatro e sessões de cinema com filmes alternativos, o CCBB faz jus ao título de quinto espaço cultural mais visitado do país.

Shutterstock, Alf Ribeiro

As mostras no CCBB geralmente são gratuitas e os ingressos para espetáculos de música e teatro costumam ter preços irrisórios. Uma vez lá, aproveite para observar o lindo vitral da claraboia e contemplar a arquitetura do prédio, erguido em 1901, que mescla os estilos neoclássico e art nouveau. 

Museu do Futebol

Este museu é um gol de placa. Até quem não aprecia o esporte se diverte com a interatividade dos recursos audiovisuais. Logo na entrada, imagens de grandes vultos do esporte, como Pelé, Zico e Ronaldinho, são projetadas em telas presas ao teto para dar as boas-vindas aos visitantes. Monitores de TV exibem jogadas eternizadas na memória dos aficionados pela bola e cabines de áudio apresentam narrações de gols históricos marcados décadas atrás. Dá até para bater um pênalti e checar a velocidade do seu chute.

Shutterstock, TMP – An Instant of Time

É possível ver tudo em pouco mais de duas horas, mas sempre há um ou outro torcedor fanático que prefere passar uma tarde inteira ali, vendo o sonoro duelo entre torcidas nas arquibancadas e fotos marcantes da história das Copas. Se você se encaixa nesse grupo, evite os fins de semana, quando o movimento é muito maior e pode acabar atrapalhando a hipnótica contemplação.

Museu do Ipiranga

Localizado no bairro do Ipiranga, uma das regiões mais citadas nos livros escolares brasileiros, o Museu do Ipiranga é a sede do Museu Paulista da Universidade de São Paulo (USP). O edifício foi projetado para ser um monumento em comemoração à Proclamação da Independência.

AdobeStock, Harmonium

O edifício foi construído entre 1885 e 1890, sendo que em 1894 passou a abrigar o acervo do Museu Paulista. É o Museu público mais antigo de São Paulo. Para celebrar os 200 anos da Independência do Brasil, o museu passou por uma grande reforma e foi reaberto em 2022 com estrutura renovada e se tornou um dos pontos mais disputados por turistas da cidade e de fora dela. 

Publicado em: 18/10/2022
Atualizada em: 26/10/2022